PEC do piso dos professores começa a tramitar

Começa a tramitar na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) Proposta de Emenda à Constituição (PEC), que insere na Carta mineira a obrigatoriedade de pagar aos servidores da educação o piso nacional previsto em lei federal.

A PEC, que tem a assinatura de 71 dos 77 deputados, insere o artigo 201-A à Constituição Estadual, assegurando que o vencimento inicial das carreiras de professor de educação básica, especialista em educação básica e analista educacional na função de inspetor não será inferior ao piso.

A alteração proposta também garante que os valores dos vencimentos das carreiras do grupo de atividades da educação básica passem a ser reajustados na mesma periodicidade e em decorrência de atualizações do piso.

O presidente da Assembleia, Adalclever Lopes (PMDB), afirmou que a proposta será tratada com seriedade e maior celeridade possível. “Tenho a honra de participar ao lado dos servidores de mais um avanço”, disse ele ao avaliar que a categoria conseguiu importantes conquistas nesta gestão.

 

Deixe sua Resposta

Seu email não pode ser enviado

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support

Powered by Dragonballsuper Youtube Download animeshow